quarta-feira, 20 de outubro de 2010

"PARIR UM FILHO"

NÃO É APENAS PARI-LO,
É AMA-LO É NUTRI-LO,
É CONSTRUIR SEU REGALO.
É DAR-LHE O QUE PODER,
MESMO SEM GARFO OU COLHER,
PAPARICA-LO.

É PROTEGÊ-LO DO MAL,
DAR-LHE AMOR INCONDICIONAL,
E APONTAR O CAMINHO.
É MUDAR-LHE SEMPRE A FRALDA,
É DAR-LHE DA MELHOR CALDA,
MANTÊ-LO SEMPRE NO NINHO.

É DAR-LHE CASA E GUARIDA,
É PREPARA-LO PRÁ VIDA,
ENFIM É ESTAR A SEU LADO.
SE ISSO FOR UM SACRIFÍCIO,
ABDICO DE QUALQUER VÍCIO,
PRÓ MANTER ENCAMINHADO


Autor: N. Faraté.

20-10-2010

7 comentários:

  1. Muito bom teu poema.
    As coisas não andam bem por ai não é?
    Mas hão de melhorar.
    Bjos achocolatados

    ResponderExcluir
  2. Claro que parir um filho é muito mais complicado! Há muitas pessoas que penso que é simples...demasiado simples e esquecem-se daqueles "pequenos" detalhes que mencionas no teu belissimo poema... Talvez por isso, há pais que não entendem os filhos e vice versa!
    Não tenho passado por aqui...mas voltarei breve.
    Beijo Graça

    ResponderExcluir
  3. Desculpe por minha ausência.
    Como sempre, mais um belo poema!

    ResponderExcluir
  4. Bem feito teu poema ,eu voltarei para viajar em tuas letas.
    Te deixo um beijo

    ResponderExcluir
  5. Oi,sou Licia Dutra do blog que vc segue (Alegrias e desabafos de uma vida).
    Tive que mudar de endereço do meu blog,fiz transferência do antigo para o novo,mas não foram os seguidores.Beijos.

    www.alegriasedesabafos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. mais pura verdade! concordo com tudo! abraço!

    ResponderExcluir